Tratamentos estéticos do sorriso: qual o melhor material?

ODONTOLOGIA

Tratamentos estéticos do sorriso: qual o melhor material?

Diversos fatores podem levar ao desequilíbrio na estética do sorriso, dentre eles estão a cárie, o escurecimento dental, o envelhecimento natural dos dentes, hábitos nocivos como ranger os dentes ou roer as unhas, ingestão abusiva de alimentos ácidos, doenças gastresofágicas e má-oclusão. Dentre as possibilidades de tratamento para o restabelecimento estético e funcional está o uso de facetas.

As facetas consistem no recobrimento da parte da frente dos dentes por um material restaurador estético, podendo ser confeccionadas pela técnicas direta (resina composta) ou indireta (cerâmicas). Do ponto de vista estético, ambos os materiais apresentam estética elevada a depender da obediência e rigor ao se estabelecer os protocolos de diagnóstico, planejamento e confecção das restaurações.

As facetas diretas em resina composta apresenta vantagens como a reversibilidade do tratamento por não necessitar de desgaste de estrutura dental, menor custo, rapidez no tratamento e facilidade de reparos. Porém, apresenta desvantagens quando comparadas às cerâmicas, como a propensão ao manchamento e escurecimento, perda de lisura e brilho superficial, além da necessidade de manutenção periódica.

Considerando as indicações individuais de cada técnica, as facetas cerâmicas tem se destacado em função dos novos materiais cerâmicos desenvolvidos, os quais apresentam alta estética e maior resistência, possibilitando a realização de laminados cerâmicos de espessuras ultrafinas, necessitando de mínimo desgaste da estrutura dental.

Mesmo com finas espessuras, os laminados em cerâmica apresentam como vantagem sua durabilidade, longevidade e semelhança à aparência natural dos dentes. Portanto qual o melhor material? Avaliar cada caso individualmente é a chave para se identificar o mais indicado para as diferentes necessidades e indicações.

Ver perfil

Matéria Por

AMANDA KASUYA

Odontologia

CRO/PR 26394 | Londrina

Deixar Comentário