Artrose de Joelho Tratamento com Ondas de Choque + Viscossuplementação

ORTOPEDIA

Artrose de Joelho Tratamento com Ondas de Choque + Viscossuplementação

A artrose, conhecida também como osteoartrose ou ostetoartrite, é uma doença de caráter inflamatório e degenerativo das articulações (juntas) do organismo que ocorre em função do desgaste das cartilagens que revestem as extremidades ósseas. Além de causar dor, pode levar a deformidades. As articulações mais atingidas são as que suportam peso, como a coluna vertebral, os quadris e os joelhos. Quando o assunto é artrose de joelhos, estimativas apontam que mais de 80% das pessoas acima de 75 anos são acometidas pelo problema, que costuma aumentar com a idade.

As mulheres têm o dobro de chances de desenvolver a doença, que pode ser classificada como primária (quando não tem uma causa identificável) e secundária (quando há identificação). As causas incluem o excesso de peso e lesões crônicas de menisco e ligamento. A artrose pode ser prevenida com hábitos saudáveis, como controlar o peso, manter uma alimentação variada e equilibrada e mudar de postura com frequência, visando evitar posições que sobrecarreguem as articulações. A prática de exercícios, como caminhar, nadar, pedalar e fazer ginástica a um ritmo moderado, também contribuem para prevenir a doença. 

As radiografias simples são indispensáveis para o diagnóstico e classificação das artroses. Outros exames de imagem, como a tomografia computadorizada, a ressonância magnética e o ultrassom auxiliam no diagnóstico diferencial de lesões por outras doenças. Entre as técnicas modernas utilizadas para melhoria da artrose, está o Tratamento por Ondas de Choque (ESWT) associado à viscossuplementação ( Aplicação de Ác. Hialurônico ) . A aplicação de ondas de choque auxilia no controle da dor, promovendo aumento da circulação de células de defesa no local, o que ajuda na melhora do processo inflamatório e restaura parcial ou quase totalmente, a função da articulação doente.

A infiltração com Ácido Hialurônico, além de ter um efeito lubrificante na articulação, também possui ação anti-inflamatória e estimula a produção dessa substância pela própria articulação, ajudando no controle da dor e na mobilidade do joelho. O procedimento é feito com anestesia local, em consultório, e dura cerca de 15 minutos. Trata-se de um procedimento simples, com baixíssimos índices de complicações. Seus efeitos colaterais são raros, bem menores que os de uso de remédios anti-inflamatórios por via oral.

Ver perfil

Matéria Por

Paulo Márcio Espir da Fonseca

Ortopedia e Traumatologia

CRM/MT 3422 | RQE 902 | TEOT 6473 | Cuiabá

Deixar Comentário