Prevenção do Câncer de Mama

Prevenção do Câncer de Mama

Sabe-se que o câncer de mama é o tipo de câncer mais prevalente nas mulheres e a cada um ano, mais de um milhão de mulheres descobrem nódulos em suas mamas.

A população brasileira é composta por cerca de 95 milhões de mulheres e centenas dessas mulheres, no Mato Grosso do Sul, irão desenvolver o câncer de mama durante o ano de 2016, e tal estatística poderia ser evitada, se as mulheres fossem orientadas a fazer o autoexame das mamas.

Há grande possibilidade de cura se o diagnóstico for feito precocemente, e para que isso aconteça, deve ser realizado periodicamente o exame clínico das mamas pelo médico, mensalmente autoexame das mamas e, anualmente, a mamografia, a partir dos 40 anos de idade.

Fazer o autoexame das mamas é muito importante para que a mulher possa conhecer seu corpo e identificar quando houver alterações. Deve ser realizado uma vez ao mês logo após o término do período menstrual e mensalmente após a menopausa.

Alguns sinais e sintomas devem ser avaliados durante o autoexame das mamas:

• Mudança no contorno ou formato das mamas;
• Saída espontânea de secreção pelos mamilos;
• Presença de caroços ou nódulos nas mamas;
• Depressão ou inversão dos mamilos;
• Vermelhidão, coceira ou descamação da pele;
• Presença de nódulo ou caroços na axila.

Para realizar o autoexame, a mama deve ser dividida em uma faixa vertical e uma horizontal, gerando quatro quadrantes imaginários. Com as pontas de 3 ou 4 dedos, faça movimentos circulares em cada quadrante, palpando desde a parte mais externa até a parte mais interna.

Quanto mais você conhece a sua mama, mais rapidamente notará alguma mudança, aumentando sua chance de cura.

Ver perfil

Matéria Por

Hanimme Nogueira

Ginecologia e Obstetrícia

CRM/MS 6520 | RQE 4370 | Campo Grande

Deixar Comentário