Os riscos de usar o celular antes de dormir

ODONTOLOGIA

Os riscos de usar o celular antes de dormir

Nem todas as luzes são prejudiciais ao sono, mas algumas cores podem influenciar mais ou menos nesse processo. As luzes de cor clara — principalmente a de cor azul presente em celulares, televisores e computadores — são as piores para a qualidade do sono. Hoje, na era da tecnologia, é comum que as pessoas durmam com aparelhos eletrônicos ligados. Porém, esse mau hábito está diretamente relacionado a noites mal dormidas. O hábito de olhar o celular até antes de ir dormir e até durante os despertares noturnos, está, infelizmente, ficando muito enraizado. Vencer a tentação de dar uma “olhadinha” nas mensagens antes de adormecer não é fácil. Mas as consequências disso para a nossa saúde são muito negativas e subestimadas.

Veja o que pode acontecer com seu corpo quando você usa o celular antes de dormir:

1. O seu cérebro recebe um impulso para ficar acordado: quando você olha para uma tela muito brilhante, o fluxo de fótons “diz” ao seu cérebro que ainda não é hora de dormir. Desse jeito, a melatonina, o hormônio que te permite dormir, fica “inibido” em seu desenvolvimento normal e, como consequência disso, ficamos acordados por várias horas, sabotando a qualidade do nosso sono.

2. Facilita a instalação de algumas doenças: naturalmente, o estado desperto leva a uma diminuição das horas de sono e, como consequência, a insônia aumenta a vulnerabilidade e pode causar o aparecimento de algumas doenças, como: depressão, ansiedade, irritabilidade, abuso de drogas, problemas cardiovasculares como infarto do miocárdio e derrame (AVC), entre outras.

3. Podem acontecer danos no cérebro: problemas neurológicos podem ocorrer com o tempo, quando o seu hábito está profundamente enraizado, mas os efeitos são uma diminuição da sua habilidade mnemônica, de concentração e da capacidade de resolver problemas. Nós não ficamos burros, mas quase.

4. Surgimento de problemas físicos: se não dormimos o suficiente, o nosso corpo sofre. A insulina – o hormônio que controla o metabolismo – fica “perturbada”. Isso pode aumentar o nosso apetite e acarretar em problemas de peso. No pior dos casos, o mau funcionamento da insulina também pode causar o diabetes.

5. Fadiga constante: a falta de sono pode levar o corpo a sempre se sentir cansado, a qualquer hora do dia. Você pode se pegar se comportando como um zumbi, tanto no trabalho como em família e até no trânsito. Não é questão de ser alarmista. Esses riscos foram provados por vários testes e pesquisas científicas.

Os adolescentes, em particular, correm riscos, já que o uso do celular por parte deles cresce indiscriminadamente. É necessário criar novos hábitos e regras para eles e para nós, começando com não usar o telefone à noite. O ideal seria desligarmos todos os aparelhos eletrônicos e evitar o acesso a essas luzes pelo menos duas horas antes de dormir. Para aqueles que não conseguem vencer a tentação, vai uma dica: a cor laranja ajuda a rebater o reflexo da luz azul. Se você usa muito computador à noite, pode usar filtros ou dispositivos que equilibrem a luz através dessa cor. A maioria dos smartphones possuem um recurso que é a tecla “NIGHT SHIFT” que ajusta a temperatura da cor da tela dos aparelhos. Ajuste seu celular e durma melhor!!! Mas, a melhor de todas as dicas é: cuide da qualidade do seu sono! Crie um ambiente confortável e aconchegante; evite trabalho e muita agitação à noite, e dê preferência por dormir no escuro. Tais atitudes podem trazer mais saúde, disposição e bem-estar ao seu dia a dia.

Ver perfil

Matéria Por

ANTONIO FAGNANI FILHO

Odontologia

CRO/SP 28.090 | Araçatuba

Deixar Comentário

Outras matérias desse profissional